Correio de Caria

Vamos ao Museu – Património de Belmonte prepara-se para revitalização

No próximo dia 5 de Abril os Museu voltam a abrir em todo o País, espera-se uma retoma progressiva nas visitas, que de certo modo são também um indicador do turismo no concelho. Embora haja toda a esperança no regresso à normalidade, será difícil em 2021 atingir os números de 2019.

Correio de Caria solicitou à Empresa Municipal de Belmonte os dados de 2019 e 2020, onde apesar da quebra de mais de 50%, os números continua a ser surpreendentes e reveladores do potencial desta “Força do Interior”

No ano de 2019 os museus do concelho de Belmonte registaram um total de 132.040 visitantes, dos quais 82303 foram visitantes nacionais, e 49737 visitantes estrangeiros.

No ano de 2020 o numero total de visitantes nos museus foi no total de: 63264, apenas 47, 9% do volume do ano anterior, onde apesar de tudo a quebra de visitantes nacionais, (50567. 61,4% em relação a 2019), foi muito menor que a de turistas estrangeiros(12051 o que equivale a 24,2% dos do ano anterior)

Caria, apesar da singularidade e importância dos seus espaços museológicos registou apenas 1011 visitantes menos de um por cento do total do concelho em 2019, (uma média de três por dia) dos quais 940 foram turistas nacionais e 71 estrangeiros.

O ano de 2020 os nossos espaços museológicos de Caria tiveram apenas 239 visitantes, (menos de um por dia em média) dos quais 232, vieram do território nacional e 7 do estrangeiro.

Deixando as interpretações para quem seja mais entendido sobre a matéria, os números são reveladores do caminho que está por fazer no que concerne à promoção do Turismo em Caria. Embora quem esteja de fora, não faça a mínima ideia do que esta realidade representa no concelho de Belmonte com 118,76 km² de área e 6 859 habitantes, pode contar com mais de 132 mil visitantes em museus (19 vezes a sua população num só ano) tendo em conta que uma boa parte dos visitantes portugueses não têm hábito de visitar museus.

No anuário estatístico dedicado à Cultura, o INE revelou que os museus, palácios e monumentos portugueses registaram 19,8 milhões de visitantes em 2019 e que mais de metade desses visitantes (52,3%) eram estrangeiros.

Em termos laborais, em 2019 existiam 5.015 pessoas a trabalhar em museus, palácios e monumentos.

Desse total de trabalhadores, 33,5% eram conservadores ou técnicos superiores. O número de voluntários nos museus considerados pelo INE foi de 473 pessoas, em 2019.

O INE revelou também que, em 2019, havia 989 galerias de arte e espaços de exposições temporárias, que promoveram 6.959 exposições de 56.424 autores, com particular incidência em Pintura e Fotografia.

jhs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *